6 de out de 2011

O poeta sueco Tomas Tranströmer é o novo Nobel de Literatura





        Quinta-feira, 6 de Outubro de 2011 - Nobel: Pedro Mexia aplaude regresso do prêmio à poesia.

      O poeta Pedro Mexia aplaudiu hoje o regresso do Nobel da Literatura à poesia, e considerou o vencedor, Tomas Tranströmer, um «poeta fortíssimo», apesar de ter ficado surpreendido com a eleição de uma obra de estilo lírico. 

        «Fico satisfeito por o Nobel da Literatura deste ano ter ido para a poesia, o que já não acontecia há uns anos. Surpreende-me que tenham escolhido um poeta lírico, porque do ponto de vista da poesia contemporânea, é um estilo que está fora de época», comentou à agência Lusa. 

         Tomas Tranströmer, 80 anos, é o poeta sueco mais traduzido no mundo e já foi galardoado, entre outros, com o Prémio Literário do Conselho Nórdico em 1990.



              [Diário Digital / Lusa]